Creative Commons

Licença Creative Commons
A obra Pesquisas de Ronaldo Filho de Ronaldo Filho foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em psconhecimento1988.blogspot.com.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

E se um dia a Terra parasse de girar?

Reações: 

Olá galera que acompanha o PS Conhecimento!

Essa semana eu assisti a um filme muito interessante. Embora ele seja um tanto fictício e difícil de acreditar na aventura mirabolante do grupo de cientistas, o filme levanta uma questão nada descartável. No filme, O Núcleo (2003), com os atores Aaron Eckhart (Batman - O Cavaleiro das Trevas) e Hilary Swank (A Colheita do Mal), o centro da Terra simplesmente para de girar, o núcleo externo, pra ser mais preciso.

Os cientistas do filme fazem uma pesquisa e descobrem que o núcleo da Terra parou de girar, e que em um ano aproximadamente a Terra estaria em estado de extinção total das espécies. O que fazia a Terra girar, no filme, seria uma matéria derretida chamada Unobtânio - nome nada estranho não é? Para quem viu AVATAR sabe do que estou falando. Explicaram sobre o núcleo interno (sólido) e o núcleo externo (líquido), onde ele mantém-se em constante movimento.
Para que o núcleo da Terra voltasse a girar, eles arquitetaram um plano de explodir no centro da Terra, no núcleo externo, algumas bombas com 200 megatons, se não me engano. Feito isso, a energia liberada pelas explosões ‘ecoaria ‘ nas ‘paredes’ do manto inferior, provocando uma reação e ‘impulsionando’ o núcleo a girar novamente, salvando todo o mundo e deixando todos felizes.
Após essa breve resenha do filme, vamos colocar a questão em si: e se a Terra simplesmente parasse de girar?

Com essa pergunta, surgem duas pautas:

1. E se a Terra parasse lentamente até a velocidade 0?
2. E se a Terra parasse de uma vez?

O biólogo Wellinton Delitti supõe que o sistema climático seria o primeiro a ser afetado, depois a vida marinha, e, com todo o processo, nós, humanos. Um lado ficaria exposto à luminosidade solar, aumentando as temperaturas, e o outro para a escuridão do universo, abaixando as temperaturas. Talvez as únicas criaturas restantes fossem as que vivem no fundo do mar, que não precisam da luz para se desenvolver, acredita Delliti.

Já o professor Marcelo Knobel acredita que, se a Terra parasse de uma vez, a uma velocidade de 900 km/h (acho que esta velocidade não bate com as que eu li na internet), prédios e casa seriam destruídos, haveria grandes tremores de terra por todo o planeta. A gravidade ficaria como está, e o dia, ao invés de durar 24h, duraria um ano, opina Knobel.


Para analisar o ponto de vista 'ultra-destrutivo' do professor Knobel, achei no site Mundo Estranho, uma explicação aterradora e muito interessante.

Prédios, construções, pessoas, animais, tudo o que há na superfície, sairia voando, desabariam sobre a superfície e se 'espatifariam' todos, um verdadeiro liquidificador estilo PoliShop, só que numa escala mundial. Da mesma forma que acontece nos acidentes de carro, nosso corpo seria lançado pelos ares porque estamos 'acompanhando' a velocidade do globo. Uma 'derrapada' na Terra e seríamos lançados contra tudo o que tiver na frente. É a inércia!

~*~
Uma vez, na aula de geografia, no colegial, nosso professor Adalberto havia nos dito que a Terra girava a uma velocidade de quase 1600 km/h, mesmo valor citado no filme também. Ele nos dizia também que se o movimento terrestre cessasse de uma vez, aconteceria como o professor Knobel citou. Toda a superfície sofreria uma deformação brusca e sem comparação.



No caso do biólogo Delitti, analisando seu ponto de vista, se a rotação parasse lentamente, os dias ficariam mais longos, mais quentes e, quando estivesse no ponto de parar, um lado ‘queimaria’ e o outro ‘congelaria’. Eu penso que, se um lado aumentasse a temperatura, poderia de certa forma, ‘queimar’ a atmosfera, interferindo o lado noturno.
 ~*~

Espero que a Terra nunca pare de girar, haha.

Certo que, vendo isso, não podemos descartar a hipótese. Que dá um medo e um frio na barriga sabemos que dá. Mas é melhor deixar isso pra ficção!


Nota: como puderam notar, eu gosto muito de filmes e às vezes me deixo levar tanto pela história que quase viro um personagem. Adoro Cinema!



3 comentários:

  1. jesus esta voltando,arrependam se,o que esta acontencendo sao apenas as dores de parto,apenas o inicio,as coisas vao piorar,vai vim o reinado do anticristo..preparem se arrependendo,..quem nao se arrepender a tempo morrera e vera a morte eterna.jesus vos ama e por isso morreu para todos nos,pecam a Deus que vos perdoe.!

    ResponderExcluir
  2. Ronaldo,conheci voce PG e passei acompanhar suas postagens, principalmente de PVHO. sou da terrinha e atualmente resido em MG. Só assim, fico sabendo de tudo por ai. Inclusive tenho uma sobrinha que trabalha na construçao da H de Sto Antº. Paro e fico pensando na terra solta no ar, por ela passa milhares de meteoros, tem as explosoes solares e tantas outras coisas que nem sei. Só DEUS para nos amparar mesmo, espero que Ele nunca pense em retirar suas mãos...muito bom o resumo do filme. PARABENS PELO BLOGS..ADNA

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ronaldo! Gostei do tema abordado e a maneira que vc expôs. Quando eu era adolescente tb pensei na hipótese da Terra parar de girar. Escrevi um texto que deve estar nos arquivos "não digitalizados" (caderno); quando encontrar envio p/ vc dar uma espiada, se quiser, claro! Só lembro que destaquei mais a questão da temperatura, comparando com Mercúrio.
    Abraços! Aurora

    ResponderExcluir

Visitantes pelo Mundo

Visitantes

free counters

Apollo 11